• Home
  • |
  • Sobre a Autora
  • |
  • Livros
  • |
  • Vídeos
  • |
  • Agenda
  • |
  • Parceiros
  • |
  • Contato
  • Além da Atração - Capitulo 35


    Alanis Morissette - That I Would Be Good ( Dica Penha Rangel - obrigada <3)

    Que eu seria amada
    Mesmo quando sentisse raiva
    Que eu estaria numa boa
    Mesmo que fosse dependente

    Que eu estaria numa boa
    Mesmo que perdesse minha sanidade
    Que eu estaria numa boa
    Com ou sem você


    Adam
    Acordo e a sensação que tenho é que fui atropelado por um trem desgovernado. Minha cabeça lateja como o diabo e quando toco meu rosto, ele está tão inchado como uma bola de futebol.
    — O que pensa que está fazendo? — a voz de Liam chama minha atenção para ele.
    Olho para o lado e meu corpo inteiro protesta.
    — Que merda você estava fazendo, Adam? — indaga Liam.
    — Liam... — tento enxergá-lo através dos meus olhos semicerrados devido ao inchaço em tornos deles, mas só vejo um borrão.
    — Cala a boca! — vocifera ele — Você vai me ouvir.
    Eu nunca vi Liam agir dessa forma antes, com tanta raiva.
    — É a pessoa mais destrutiva que já vi na vida — murmura ele, me olhando com desapontamento e decepção — A mais egoísta e idiota. Afastou a única pessoa que o arrancou daquela merda que você chamava de vida. Por um momento eu acreditei que teríamos o Adam de antes de volta. Você desapontou nossa família, a mim e aquela pobre garota.
    — Liam.
    — Você é um cretino, Adam! — ruge ele, socando minha cama — Faz um favor para todo mundo. Quando quiser se matar, faz isso direito.
    Eu sei que mereço cada palavra dura que recebo dele, mas elas não ferem menos. Principalmente porque são verdadeiras. Eu havia desapontado todas as pessoas que me amam.
    Antes eu tinha a sua compaixão, agora eu vejo apenas desapontamento, raiva, frustração, queimando em seus olhos. Eu nunca presenciei Liam tão chateado comigo como hoje.
    — Penélope não merece isso — murmura ele. — Ela não merecia. Eu disse a você que ela não é como as outras mulheres. Inferno. Você deveria saber isso. Não pode ser tão canalha. Eu me recuso a acreditar que seja assim.
    Se ao menos eu pudesse dizer a ele sobre as ameaças. Que o atropelamento não foi um acidente como todos acreditaram. Assim como Penélope, tenho que deixar Liam fora disso. Conheço Liam. Seu instinto de irmão mais velho viria como um trator. Lembro de todas as palavras duras que ele disse a Celeste, após três anos de rituais, no qual ela havia ficado obcecada.
    — A melhor coisa que poderia fazer a Cecília e ao bebê é seguir em frente — murmura ele, dessa vez eu enxergo uma pequena luz de tristeza em seus olhos — Se tudo fosse diferente, se você tivesse partido aquele dia ela seguiria em frente. Provavelmente estaria casada e com uma dúzia de filhos.
    — Liam, me deixe...
    — Droga, Adam! — o olhar duro volta a cair sobre mim — Ela não era a santa que você imaginava. Não me faça mexer no passado, por favor. Pare de construir um altar em torno de alguém que talvez não mereça.
    Algo no que ele diz me deixa inquieto. É primeira vez que Liam fala sobre Cecília com mais severidade. Na verdade, os dois viviam como cães e gatos durante nossa juventude. Depois da sua morte ele pouco citou o seu nome.
    — Você vai perdê-la — continua ele, indiferente aos pensamentos tumultuando minha mente — Penélope foi a melhor coisa que poderia ter acontecido em sua vida e jogou a felicidade pela janela. E merda de tudo isso é que destruiu um coração inocente no caminho. Um dia você irá olhar para trás e verá tudo o que perdeu.
    Suas palavras são como flechas atingindo meu peito, acertando direto em meu coração. Uma a uma elas vão se cravando.
    — Sabe o que vai acontecer? — pergunta ele com tristeza na voz — Você vai esbarrar com a filha dela na rua, ela irá sorrir para você, um sorriso tão igual o da mãe dela, notará o quanto são parecidas e por um segundo, vai desejar que ela fosse sua filha. Então a verá partir e se dará conta do que perdeu.
    Eu queria que as gotas deslizando pelo meu rosto fossem de suor, mas elas são a resposta da minha alma ferida. Vejo o que Liam descreve tão palpável a minha frente como o lençol que torço com força em meus dedos.
    — Eu vou consertar isso — afirmo, desejando acreditar nas minhas próprias palavras vazias.
    — Quando? — inquiri ele, exaltado — Quando for tarde demais? Quando a tiver perdido para outro homem. Não seja prepotente, cedo ou tarde isso irá acontecer. Então quando você irá acordar?
    — Eu não sei! — exclamo, frustrado comigo mesmo. — Não é tão fácil como parece. Você não sabe de nada.
    Tê-la de volta e ter sua vida na ponta dos meus dedos? Ou mantê-la segura sob o risco de que cena que Liam me descreveu há pouco se torne realidade? Qual me machucaria mais? Qual a feriria menos?
    Continuarmos juntos com todos os perigos cercando-a ou deixar que continue segura e feliz, mesmo que não seja ao meu lado?
    — Liam, cuida dela para mim — peço a ele antes mesmo de ter minha resposta — Não a deixe sozinha nesse momento.
    Eu sei que Penélope está sofrendo, tanto ou mais do que eu. Sozinha nesta cidade imensa, tendo que cuidar de si mesma. Duvidando do grande amor que tenho por ela. Isso é o que me tortura mais. Não importa o que ou como eu faça. Sempre vou machucá-la de alguma maneira.
    — Eu farei isso — diz ele me dando as costas enquanto caminha em direção a porta. — Por ela e, não por você.
    — Se ao menos você imaginasse — sussurro para a porta fechada.
    Encolho-me na cama. Não me resta nada além de absorver a dor que me consome.
    Penélope me ensinou como o amor é libertador e puro. Eu ensinei a nós dois o quanto pode ferir.
    ****
    Horas depois eu acordo com pequenos solavancos em meu peito. A dor em meus olhos me lembra do que aconteceu e de onde eu estou.
    — Queria ter a certeza que está mesmo vivo — murmura Peter, sorrindo.
    — Estou — tento me erguer, mas meus ossos protestam, então volto a deitar, fixo meus olhos no teto.
    — Homem, você está horrível — murmura ele.
    Escuto abrir uma porta do lado esquerdo da minha cama alguns segundos depois tenho-o de volta ao meu lado. Há um espelho quadrado em suas mãos.
    — Se quiser pode fazer teste para o Frankenstein — murmura ele, entregando-me o objeto. — Acho que será necessário algumas plásticas ou centenas de mulheres irão chorar a perda desse rostinho bonito.
    Perder meu rosto bonito é a última das minhas preocupações. Mas ao olhar para o espelho eu fico espantado com o que eu vejo.
    — Minha mãe viu isso? — pergunto mudando de angulo. 
    Meus olhos estão quase fechados devido ao inchaço em volta deles. Ao redor há hematomas por todo o rosto, e nas bochechas parece que foram implantados bolas de boliche. Além do nariz que provavelmente devo ter quebrado. Eu pareço mesmo um projeto de Frankenstein.
    — Bem, ela ficou muito abalada com o que houve e com estado que você chegou aqui — murmura ele — Mas eu garanti que a briga não foi tão terrível quanto pareceu.
    — Obrigado — refiro-me a ele ter ido ao meu encontro e ter me tirado da confusão que causei e que poderia ter me levado a morte, também por mentir para minha mãe. O pouco que me recordo da confusão no bar, desmentem o que ele disse, não sei como ainda continuo vivo.
    — Não foi nada — Peter sorri socado o ar, imitando um pugilista — Me poupou algumas horas de treino na academia. Só me avise da próxima vez para que eu leve minha luvas de boxe.
    Coloco o espelho ao meu lado na cama e volto a encará-lo. Assim como Liam, quase não consigo destingui-lo. 
    — O que houve com a sua mão?
    Há uma faixa em torno de dois dedos da mão esquerda que vai até pulso.
    — Contundi na cara de um motoqueiro — ele balança os ombros — Poderia ter sido pior.
    Tento visualizar a cena de Peter lutando com uma dúzia de homens. Um deles, o que provoquei, tão gigante quanto ele. Sinto a porra da culpa morder minha bunda de novo. Não coloquei apenas a minha vida em risco, mas a dele também. Mais um item para minha gigantesca lista de merdas.
    — Desculpe-me por isso.
    — Eu diria que deixaria quieto se você parasse de fazer tanta besteira — murmura ele — Mas seria algo impossível, certo?
    Analisando todo o meu histórico de vida, posso dizer que ele tem razão e, eu me pergunto se algum dia eu quebraria esse círculo de autodestruição?
    — Me ajuda — peço com fervor em minha voz.
    Vejo-o se aproximar e inclinar na cama e pela primeira vez vejo seu rosto com clareza.  
    — Acho que é por isso que eu estou aqui, idiota — murmura ele — Para ajudar você. Não é isso o que os amigos fazem?
     Aceno com a cabeça. Encontrar quem está por trás das ameaças será a meta da minha vida. E quando eu souber ou tiver a certeza de quem me afasta da mulher que eu amo mais do que a minha própria vida, espero que Deus seja mais misericordioso com ele, pois eu serei implacável.
    — Me espera, Charmosa — murmuro para mim mesmo. — Espera por mim.
    Fecho os meus olhos e consigo visualizar uma nova cena. Onde a menina descrita por Liam não passa despercebidamente por mim na rua. Ela vem de encontro a mim.
    "Pai."
    Sim, o sorriso é tão parecido como o da sua mãe.
    Pela primeira vez desde que meu mundo havia se transformado em um inferno, eu sorrio.

    58 comentários :

    1. Oh meu Deus,esses ultimos capitulos estão acabando com o meu pobre coração. Ele está sangrando !!

      ResponderExcluir
    2. Que pena do Adam :'( O Liam com raiva dele... ó dó :(

      ResponderExcluir
    3. Eita que Liam quer mata o Adam.
      Hum acho q essa Cecília não era tão boazinha assim como Adam pensa .
      Peter como sempre Divo perfeito

      ResponderExcluir
    4. Vai passar mesmo esse tempao com eles separados?? Qto sofrimento... Espero td se resolva logo. Amando o livro... Parabéns.

      ResponderExcluir
    5. Meu coração não aguenta mais . maldita seja essa pessoa que está fazendo eles sofrer ( eu acho ainda que é a ex) . A cada Capítulo o coração quase para .Gente agora não teve como não rir do Peter kkkk . adoro ele ! Amo esses meninos ❤

      ResponderExcluir
    6. Meu coração não aguenta mais . maldita seja essa pessoa que está fazendo eles sofrer ( eu acho ainda que é a ex) . A cada Capítulo o coração quase para .Gente agora não teve como não rir do Peter kkkk . adoro ele ! Amo esses meninos ❤

      ResponderExcluir
    7. Vai passar mesmo esse tempao com eles separados?? Qto sofrimento... Espero td se resolva logo. Amando o livro... Parabéns.

      ResponderExcluir
    8. Meu coração não aguenta mais . maldita seja essa pessoa que está fazendo eles sofrer ( eu acho ainda que é a ex) . A cada Capítulo o coração quase para .Gente agora não teve como não rir do Peter kkkk . adoro ele ! Amo esses meninos ❤

      ResponderExcluir
    9. Lian disse tudo! mas não guento ver meu Adan sofrendo :-(

      ResponderExcluir
    10. Estou lendo novamente Proibida pra Mim e me encantando com o Neil. Mas acima de tudo quero depois entender o Adam. Tipo em algumas partes do livro ele é o galinha de antes. Mas lendo a história dele com a Penelope não parece. Fico imaginando se ele voltou a ser assim pra afastar ela ainda mais. Ai ai quanta ansiedade. Amo esses dois. Obrigada Elizabeth por escrever tão bem e nos encantar com esses lindos casais.

      ResponderExcluir
    11. Meu coração chora pelo Adam :(

      ResponderExcluir
    12. É muita sofrência...Louca pela reconciliação. Amo esse casal.

      ResponderExcluir
    13. Bom eu estou preocupada com a Penélope,não estou querendo saber das merdas que o Adam fez,pois que semeia vento colher tempestade.

      ResponderExcluir
    14. Ponto para o Liam, realmente o Adam mereceu. ;)

      ResponderExcluir
    15. Ponto para o Liam, realmente o Adam mereceu. ;)

      ResponderExcluir
    16. Tadinho do Adam, me desidratando novamente em 3,2,1 :(

      ResponderExcluir
    17. Nossa! Está muito emocionante! Aguardando por mais :)

      ResponderExcluir
    18. Nunca gostei da Cecilia, mas agora...

      ResponderExcluir
    19. Estes últimos capítulos estão me matando,pena que acabou...Este livro está demais.

      ResponderExcluir
    20. Foi de mais garota desculpa pela palavrão mais você é foda .

      ResponderExcluir
    21. Liam falou a verdade.. Se Adam não se apressar vai perder a Penélope :(

      ResponderExcluir
    22. Nossa, o Liam foi td agora, adorei, quem sabe se com essa sacudida ele tenta resolver a merda q fez.
      Adam, estou sofrendo junto com vc, meu coração sangra a cada pensamento triste seu, a cada pensamento seu em relação a Penélope.

      ResponderExcluir
    23. Adam, vc é lindo, mas nesse momento quero te bater...rsrsrsrs Ai meu Deus, é muito sofrimento, será que Penélope o perdoará???

      ResponderExcluir
    24. arrazou no capitulo minha diva.... favorita

      ResponderExcluir
    25. MUITO SOFRIMENTO! ANSIOSA PELO PRÓXIMO CAPÍTULO! BJS!BJS!

      ResponderExcluir
    26. Tá difícil até pra mim essa separação, imagina para esses dois?!?!? Kkkkk adorando tudo!!!

      ResponderExcluir
    27. ai meu deus como vc e ma posta mais essas doce homeopática esta me matando

      ResponderExcluir
    28. nossa o cara ficou destruido, mereceu tudo que o Liam falou,quantos capitulos vai ter esse livro,arrasou como sempre, você manda muito bem, parabéns

      ResponderExcluir
    29. Espero que o Peter conte para Charmosa que o Adam a afastou por medo, para que ela o visite no hospital e eles façam as pazes. Ou Liam conte para ela que ele está mal e eles o visite no hospital e eles façam as pazes.
      Louca para ler o livro inteiro. Essas doses homeopáticas estão acabando comigo.
      Aguardando o restante ansiosamente!

      ResponderExcluir
    30. o Adam mereceu o 'soco na cara' que o Liam deu!

      ResponderExcluir
    31. Caraca....isso é o que chamo de amigos verdadeiros....

      ResponderExcluir
    32. Música linda! When I Was your man, do Bruno Mars, também é maravilhosa

      ResponderExcluir
    33. A música Don't Make me do Blake Shelton tb é linda!

      ResponderExcluir
    34. Divino como sempre esse capítulo. Adam faz as merdas mas eu o amo. E Liam e Peter como sempre super parceiros.

      ResponderExcluir
    35. Aii meu deus.. Eu sou só lágrimas.. Q livro.. Mágico

      ResponderExcluir
    36. Oh meu Deus... Agora se prq ele irá pensar que o filho é do Lian, a Pé já está grávida e ninguém sabe.... Ansiosa por mais...

      ResponderExcluir
    37. Oh meu Deus... Agora se prq ele irá pensar que o filho é do Lian, a Pé já está grávida e ninguém sabe.... Ansiosa por mais...

      ResponderExcluir
    38. Muito ansiosa para o capítulo da Penélope!!!!!!

      ResponderExcluir
    39. Eu quero índice uma música também, "Impossible" James Arthur eu acho que descreve bem o que a Penélope está sentindo.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Linda música, combina com eles mesmo, mas usei no 4º livro com Jenny e Neil <3

        Excluir
    40. Ai meu deus como eu sofro com esses pensamentos do Adam, tomara que ele descubra logo quem está por traz disso, e lute com todas as forças pelo o amor da charmosa, que sei que vai está com toda a força do amor o esperando, quando souber o motivo do afastamento dele, agora espero que não demore muito, pois o tempo é implacável. Refleti o que o Liam falou sobre a ceciclia, que sacana, tenho certeza que ela dava em cima do Liam e era uma vadia, e esse fihlo não era do Adam, e se realmente ela estava grávida, se não era uma mentira, para prendê-lo, ou se um caso dela a rejeitou e ela foi dar um golpe Adam e ele não aceitou e a louca sofreu o acidente, são muitas coisas na min ha cabeça que passam, mas o que eu torso , é que ele corra, que o Peter descubra logo, ansiosa e muito estou por isso, por favor amada autora. Adorei você ter colocado a música que eu falei que lembrava dos dois, linda e sofrida como essa separação. Muito ansiosa por mais, amo muito esses dois.

      ResponderExcluir
    41. #desesperadapormaisumcapitulo......... OMG

      ResponderExcluir
    42. Desespero me define nesse momento!!! Sera que ainda falta muito pra terminar o livro? Meu coração é fraco... Kkkkk dramática eu.

      ResponderExcluir
    43. Caramba estou de coração quebrado aqui.

      ResponderExcluir
    44. Querida autora sabe o que é ser brilhante? É me fazer sorrir quando estou em lágrimas, Peter é muito bom.
      Fiquei com uma "pulga" atrás da orelha, o que o Liam sabe? Nunca gostei da Cecilia pq ela escolheu o namorado e não o filho, o amor de mãe não pode ser superado por nenhum outro.
      Estou em conflito, quero que essa tristeza termine mas quero um livro longo, com muito amor entre esse casal e muita união dessa gigante família. Andreza Viúde

      ResponderExcluir
    45. Tbm acho que o filho nn era do Adam nn.
      No minimo acho que o Liam comeu ela.

      ResponderExcluir
    46. Essa mulher -.-* Nesse angu tem caroço -.-"

      ResponderExcluir
    47. Meu deus
      Amo o Adam incondicionalmente
      Parabéns Lize !!!
      AhhhhAhhhhhhhhAhhhhhhhhhhhh não aguentei espera mais pra ler corri pro seu blog

      ResponderExcluir
    48. Meu deus
      Amo o Adam incondicionalmente
      Parabéns Lize !!!
      AhhhhAhhhhhhhhAhhhhhhhhhhhh não aguentei espera mais pra ler corri pro seu blog

      ResponderExcluir

    Obrigada por seu comentário. Volte sempre!

    O Preço de um amor

    Book trailer - Seduzida

    BookTrailer